quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Explosion


It's over!
Minhas forças se foram...não suporto mais engolir tudo como se fossem coisas ruins que demonstram minha face humana...como se eu não fosse humana! Agora parece que tudo dói mais, ou que há uma intensidade maior que me incomoda profundamente. E se eu permitir que tudo se exploda? Se eu gritar um FODA-SE sem medo de consequências...até parece!!! Parece que o big-bang está pra acontecer, e eu tenho medo que seja a qualquer momento, sem que eu esteja pronta para a criação desse novo universo...shit!
Como olhar, como falar, como sorrir, sem que ninguém note o que está se passando? Parece que virei perita nisso, mas agora quero ser percebida, quero que o mundo me note, quero que vejam como estou, quero transparência...e não consigo!!!

2 comentários:

  1. Olá, desculpe invadir seu espaço assim sem avisar. Meu nome é Nayara e cheguei até vc através do Blog A Poética de Cibele Camargo. Bom, tanta ousadia minha é para convidar vc pra seguir um blog do meu amigo Fabrício, que eu acho super interessante, a Narroterapia. Sabe como é, né? Quem escreve precisa de outro alguém do outro lado. Além disso, sinceramente gostei do seu comentário e do comentário de outras pessoas. A Narroterapia está se aprimorando, e com os comentários sinceros podemos nos nortear melhor. Divulgar não é tb nenhuma heresia, haja vista que no meio literário isso faz diferença na distribuição de um livro. Muitos autores divulgam seu trabalho até na televisão. Escrever é possível, divulgar é preciso! (rs) Dei uma linda no seu texto, vou continuar passando por aqui...rs





    Narroterapia:

    Uma terapia pra quem gosta de escrever. Assim é a narroterapia. São narrativas de fatos e sentimentos. Palavras sem nome, tímidas, nunca saíram de dentro, sempre morreram na garganta. Palavras com almas de puta que pelo menos enrubescem como as prostitutas de Doistoéviski, certamente um alívio para o pensamento, o mais arisco dos animais.



    Espero que vc aceite meu convite e siga meu blog, será um prazer ver seu rosto ali.

    http://narroterapia.blogspot.com/

    ResponderExcluir